Comprinha light

Cottage, queijo branco com pêssego, cream cheese, iogurte natural 0% (actimel), peito de frango, cenoura amarela, berinjela, tomate, morango, compota de maçã e banana, Creme de leite light (4% de gordura), queijo ralado light (6% de gordura).

Esqueci de tirar foto do pão integral light!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

20 comentários a Comprinha light

  1. Cintia disse:

    Acho um barato ver os produtos daí. Os daqui são bem diferentes, é uma aventura ir no supermercado em países estrangeiros :) beijos!

  2. Patricia disse:

    Ai, eu tb tô assim! Tô há exatamente 1 mês sem comer nenhum tipo de doce, carne vermelha, frituras e besteiras. Resolvi cortar essas coisas, pois eu comia doces todos os dias e nos fins de semana exagerava em sorvete, pringles e bobeiras. Mas apesar de estar com os exames todos certinhos e de não estar acima do peso eu gosto da ideia de me alimentar bem. Eu me sinto melhor assim.
    Parabéns, vc está cada vez mais linda e tem muita força de vontade. Entro aqui há mais de um ano e não perco seus posts!!
    Um abraço!

  3. Vanessa disse:

    Oi Lu!!!

    ai que gostoso… também tô precisando fazer minha comprinha light.

    beijusss e ótima semana light.

    http://www.vanessaorecomeco.blogspot.com

  4. Bruxa do 203 disse:

    Quanta coisa legal! Esses produtos nos salvam dos alimentos mais calóricos nas horas críticas.

    Você tem um gosto bem diversificado. Isso ajuda!

  5. Alessandra disse:

    Adoro ver as suas fotos dos alimentos daí!

    Lu, o projeto de vcs de morar aí é por mais qt tempo?
    Meu marido deve sair para doutorado em breve, ainda não sabemos ao certo o país, está na dependência de algumas coisas. Vejo que muita gente que vai fazer doutorado fora, muitas vezes não volta mais. Esse é o caso de vcs né? Seu marido foi pra doutorado? Vcs acham q não voltam mais?
    bjs

    • Lu Francesa disse:

      Oi querida,

      Não temos tempo definido para morar aqui, viemos por causa do doutorado do Leo, que acabou fazendo pos doutorado e agora está trabalhando em um projeto que vai até o final do ano (começou ano passado e foi renovado em janeiro). Não pensamos em voltar logo, mas tb não creio q ficaremos aqui para “sempre”, rs.
      Só dá para continuar depois do doutorado se a bolsa não é brasileira, que é o caso de uma grande maioria, como a do Leo era européia pudemos ficar. Já viemos com a intenção de ficar por aqui :)
      Quem sabe vc não vem para a França ? ;)

      Beijocas,Lu.

  6. Mariangela disse:

    Parece tudo muito bom!
    Tem muita em ingles ai ne! Nao imaginava… kkkkk
    bjs

  7. Maria Raquel disse:

    Oi Lu!!!
    Quando vai começar o próximo desafio??? Quero muito participar.
    Beijos para vc

  8. Lisa disse:

    a baguette da primeira foto chega a me dar água na boca… no geral os produtos são bem parecidos aos que encontramos nos supermercados por aqui.

  9. Valquiria disse:

    Lu, é uma delicia fazer nossas comprinhas lights, né?!Adorei sua compra!beijos

  10. LINA disse:

    Oi Lu, entrei hoje pela primeira vez no seu blog e amei, achei superinterssante tudo, além de informativo é divertido e autentico o tempo todo. Eu sou uma pisciana de 34 anos (que completarei neste próximo dia 07/03/11), casada há 14 anos, tenho um filho de 16 (é que fizemos antes de casar) e uma menininha linda de 5 anos. minha família é meu porto seguro. Apesar de as vezes eu desejar mais privacidade (pelo menos uma horinha por dia), sei que conduzi minha vida até aqui e sou resultado de todas as minhas escolhas e omissões. Na minha 2ºgravidez fui para 107kg, depois do parto mantive os 99kg por quase um ano, até que pelo fato de ser hipertensa, tive que fazer uma dieta quase sem sal e consegui chegar aos 81kg. Depois disso fui variando, 85kg, 92kg, 88kg, 80kg, puro efeito sanfona. Até que uma prima me que havia tido nenêm há pouco tempo me perguntou se eu não queria tomar “remedinhos” para tirar o apetite e a ansiedade. Consultei o médico e ele disse que poderia tomar sem problemas, só não poderia misturar com alcóol. Comecei em outubro/2010, com 92 kg, hoje, 02/03/2011 estou com 69kg e me sentindo muito bem. Morro de medo do efeito sanfona, mas desta vez eu me comprometi comigo a não engordar mais. Vou chegar nos meus 65kg e pronto! Tenho 1,68 de altura, acho um peso bom. Fica todo mundo me criticando, dizendo que vou ficar doente, muito magra, mas não percebem que doente eu estava antes, sem nem um pingo de auto-estima e de vontade de fazer as coisas. Sei que o melhor é sempre usar dos métodos naturais, mas eu não aguentava 1 mês e voltava td de novo. Agora já vão fazer 5 meses que adquiri hábitos que creio irão me acompanhar pra sempre. Sei que mesmo não estando mais “obesa” ainda penso como gordo, e vou ter que me vigiar pro resto da vida. è logico que de vez em qdo uma escapadinha pode, mas nenhum remédio é milagroso, tudo que conquistei foi com muita força de vontade e determinação. Me habituei a praticar exercícios (caminhar, correr…),e fechei a boca, pois se eu quisesse seria capaz de devorar uma pizza inteira, mesmo depois de tanto tempo comendo quantidades mínimas. Depende de cada um escolher o meio para alcançar o seu objetivo, se para mim esse foi bom, para outros pode não ser. Mas o que interessa é a dedicação, o querer pesar menos, deixar de ser gorda. Tem muitos que nem tentam nada, criticam todos os métodos e continuam estáticos. O que eu mais queria na vida (só para mim) era emagrecer. Agora falta me encaixar no meu ramo de trabalho. Sou bacharel em direito desde 1.999, mas nunca fiz nada na área. Fui para o Japão, voltei e hoje sou secretária (espécie de faz tudo) na loja do meu tio. Meu marido tentou várias coisas (ele não é formado), mas nada decolou (ele diz que é porque gasto muito), mas isso não é verdade, fiquei 2 anos sem comprar uma peça de roupa, só gastava em mercado, mas nada exagerado, são as coisas que estão caras mesmo. Ele trabalha com meu tio tbém, mas na maior parte do tempo é autônomo. Não ganhamos lá muito bem, mas dá pra viver com um certo conforto. A casa que compramos quando voltamos do JP ficou no banco devido a um financiamento de maquinário. Pura ignorância da nossa parte, e enexperiência tbém. Minha mãe é separada do meu pai e teve me u irmão(com problema mental)com 40 anos. Deu sorte pois o pai do meu irmão deixou uma herança boa que dá para os dois viverem tranquilos. Hoje moram comigo e minha família, pois são só os dois, mas é muito bom. Mas eu não estou nada satisfeita com o meu trabalho. Não aguento ficar nessa loja o dia todo, queria estar fazendo um cursinho para tirar minha OAB, depois estudar para concursos, sei lá LU, obrigada por me dar esse espaço…bjo.

  11. Lu disse:

    Mana,

    Hoje li seu blog inteiro praticamente… rsrsrs

    Queria tanto ter sua força de vontade… nossa… só 1% estava ótimo, rs.

    Vim aqui pra dizer o quanto te admiro, o quanto te amo e o quanto sinto sua falta.

    Bjss da sua irmã mais linda… Lu.

    • Lu Francesa disse:

      Uau, que visita ilustre! :), adorei o recadinho!!!

      Obrigada, ganhei o dia :D

      Vc tem força de vontade sim, é só achá-la dentro de vc!

      Beijosssss

  12. Demmy disse:

    Nossa, muito legal seu blog! Gostei bastante das dicas!

    Parabéns!

    =)

  13. Mari disse:

    Adorei as fotos das suas compras, tão saudáveis e coloridas… uma inspiração!!!
    Continuo na batalha apesar das dificuldades…
    Um beijo bem grande!!!
    Mari

  14. Ai, ai… estes morangos me deram água na boca… hehehehe
    Amada. Deixei um mimo pra ti no blog. Beijos no teu coração!

Deixe um comentário